Indicadores de Performance ou de Desempenho
PUBLICIDADE
Portal Revista Infra - domingo, maio 26, 2019
Consulte nossos conteúdos
Indicadores de Performance ou de Desempenho?
Listar os principais passos para garantir o cumprimento de um SLA é um dos pontos-altos deste artigo de Soraya Durães

Notícia publicada em 21 de fevereiro de 2019

Soraya Arcas Durães é Diretora de Projetos da SSX Global Solutions

Quando ouvimos falar sobre esse tema, logo vem uma "sopa de letrinhas" para confundir a cabeça de muita gente! SLA e KPI são as principais, mas não são a mesma coisa, vamos lá:

A sigla KPI vem do inglês key performance indicator, que em tradução livre, significa indicador-chave de performance. Esses indicadores-chaves são utilizados para medir e acompanhar uma ação, com o objetivo de compreender se a iniciativa está sendo efetiva, atendendo a uma meta pré-estabelecida.

A sigla SLA também vem do inglês Service Level Agreement, que significa Nível de Serviço Acordado.

Desta forma fica mais fácil para entender que o SLA é a meta, por exemplo, quando um contrato de serviço é negociado, além do preço algumas metas fazem parte do acordo (prazo de entrega, qualidade mínima...), ou uma área de uma corporação tem metas a serem cumpridas, como qualidade, prazo, custos etc.

Como estabelecer um SLA?

Como garantir o cumprimento de um SLA?

O KPI é a ferramenta para garantir que a meta SLA está sendo cumprida.

O Indicador precisa ser específico e garantir que a meta seja atingida, portanto, uma pergunta deve ser feita: Como conseguir ter certeza de que a Meta (SLA) está sendo cumprida? O que medir para sair da subjetividade para a objetividade? Ou seja, transformar dados em Conhecimento, para que se possa elaborar plano de ação e corrigir o que está errado ao mesmo tempo se tem condições de melhorar e padronizar o que está sendo cumprido?

Dados: são observações documentadas ou resultados da medição;

Informação: é o resultado do processamento, manipulação e organização de dados;

Conhecimento: ato ou efeito de conhecer, é ter ideia ou a noção de alguma coisa;

Plano de Ação: contramedidas para solução e ou melhorias;

Mas de nada adianta ter um painel cheio de indicadores e não fazer nada com isso!

"Ter um painel de indicadores e não entendê-los, é como estar diante de um avião e não saber pilotar."

E nesse caso, "menos é mais".

E como a área de Facilities pode se beneficiar ao gerenciar os Indicadores?

Os indicadores possibilitam monitorar os serviços fornecidos aos clientes e com isso identificar e implementar oportunidades de melhorias nos processos

Utilizar os indicadores para:

- Acompanhar o cumprimento das normas e regulamentos;

- Identificar, gerir e apresentar os resultados do profissional e da área de Facilities, na expectativa de padronizar processos efetivos e minimizar custos;

- Acompanhar a performance dos contratos de fornecimento; e

- Melhorar a performance da qualidade da área com constante otimização de custos.

Quais os passos principais para garantir o cumprimento de um SLA?

Desenhar os processos de Facilities e priorizar as informações necessárias para um bom gerenciamento e separar por grupos... Continuar lendo.


PUBLICIDADE

LÍDERES DE AUDIÊNCIA

Conteúdos que historicamente tiveram um grande número de visualizações. Confira abaixo alguns deles.

EDITORIAS DE MERCADO

Os conteúdos líderes de audiência que foram publicados em nossas revistas impressas ao longo da história da revista

CONGRESSO INFRA

Acesse o site de eventos e saiba mais sobre os próximos encontros da Revista Infra em todo o Brasil.

INFRA IMAGENS

Acesse o Infra Imagens - Nosso canal de imagens no Flickr com fotos dos nossos mais recentes eventos em todo o Brasil.
COPYRIGHT © 2003-2019 TALEN EDITORA
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Avenida jabaquara, 99 3. andar - Cj. 35 - Mirandópolis
Cep 04045-000 São Paulo/SP - Tel. 11 5582.3044