Portal Revista Infra - segunda-feira, outubro 21, 2019
Consulte nossos conteúdos
PUBLICIDADE
Hospitais miram em tecnologias com foco na segurança da informação
Setor passou a investir 4% a mais, segundo pesquisa que também apontou melhorias na produtividade e redução de custos

Fichas, internações, exames e informações sigilosas de pacientes e instituições da saúde são dados importantes e delicados que vêm ganhando atenção por parte das administrações hospitalares em todo o País. O setor passou a investir 4% a mais em tecnologia de segurança da informação, conforme aponta a pesquisa Dell Global Technology Adoption Index (GTAI).

Os dados do levantamento demonstram que os principais pontos levados em consideração pelos hospitais ao realizar investimentos na área tecnológica são a segurança da informação (53%), redução de custos (44%), melhoria na produtividade dos colaboradores (50%) e satisfação do usuário (57%). Esse crescimento pelo interesse na infraestrutura tecnológica tem refletido também na realidade da Tecnocomp, uma das principais empresas de Gestão de Serviços de TI do País, com soluções desenvolvidas para o crescimento do setor hospitalar.

A empresa que hoje atende o Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Hospital Samaritano, Hospital Moriah,  Rede D´Or São Luiz, Laboratório Sabin, entre outros, entrega à área da saúde tecnologia e integração de fluxo de dados com total segurança. "Investir em tecnologia atendeu tanto nossas expectativas financeiras quanto as expectativas da melhoria de atendimento aos nossos usuários, sendo mais efetivos e com SLA reduzido. Além disso, agora podemos utilizar as melhores práticas na descrição dos chamados, além de pensar em melhorias contínuas através do suporte que temos com a Tecnocomp", destacou Bruno Freitas, do Departamento de TI do Hospital Alemão Oswaldo Cruz.

Entre as soluções disponíveis, é possível citar ter, 24 horas por dia, uma equipe especializada focada em acompanhar todo o sistema a fim de prevenir falhas e atender em tempo ágil solicitações técnicas para cada uma das áreas do hospital, garante a prestadora.

Além disso, vale lembrar que uma falha tecnológica pode custar vidas e até mesmo impactar em mais dias de internação, onerando ao caixa da instituição. O monitoramento automatizado, com equipes de assistência ao paciente, permite maior rapidez e eficácia, auxiliando até mesmo no controle de infecções, e entregando uma fácil visualização de todos os pontos do hospital que precisam de atenção.

Para o Gerente Operacional da Tecnocomp, Lucas Martins da Silva, responsável pela implantação de projetos na área da saúde, investir na tecnologia de infraestrutura e data center entrega aos hospitais mais qualidade não apenas aos serviços, mas também à vida dos pacientes, afinal, tudo está interligado por sistemas, e para que funcionem corretamente, é preciso uma via de informações unificada. "Uma falha dentro dos caminhos de informação do hospital pode impactar em várias situações, desde a emissão de uma receita de medicamento, à liberação de alta ou entrada em centro cirúrgico. Não são apenas cabos e estruturas, são vias de informação para o atendimento à saúde. O nosso papel é evitar qualquer tipo de interferência e permitir o perfeito funcionamento da instituição", explica Lucas.

No portfólio de serviços customizados da Tecnocomp para Saúde, destacam-se as soluções para redes de dados, voz e imagem; segurança e recuperação de dados; atendimento 7x24 para sistemas e usuários; vigilância de pessoas e objetos; identificação e rastreamento de ativos (RFID). A promessa é entregar soluções com foco na maior satisfação não só dos hospitais, como dito por Bruno Freitas, mas também dos pacientes, ao ter atendimentos mais rápidos e mais eficientes em um momento tão delicado.

Fotos: Pixabay


COPYRIGHT © 2003-2019 TALEN EDITORA
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Avenida jabaquara, 99 3. andar - Cj. 35 - Mirandópolis
Cep 04045-000 São Paulo/SP - Tel. 11 5582.3044