Inspirada nos campi do Vale do Silício
PUBLICIDADE
Portal Revista Infra - segunda-feira, agosto 21, 2017
Consulte nossos conteúdos
Inspirada nos campi do Vale do Silício
Nova sede do Mercado Livre no Brasil é exemplo de como a arquitetura corporativa pode contribuir para encantar talentos e melhorar a performance do negócio

Por Léa Lobo

Ele tem apenas 17 anos, começou com quatro pessoas em uma garagem e hoje é líder em tecnologia para e-commerce na América Latina. Estamos falando do Mercado Livre - companhia presente em 19 países que tem conquistado resultados expressivos no Brasil; por aqui cresceu nada menos que 61% em receita líquida neste segundo trimestre se comparado ao mesmo período do ano passado.

O segredo desse sucesso pode ser explicado quando se tem conhecimento do foco de investimentos da empresa: tecnologia e pessoas estão no topo da lista! "Foi exatamente com o objetivo de encantar os colaboradores, aproximar-se dos clientes e parceiros, e promover a sustentabilidade" que a Melicidade (como a sede é carinhosamente chamada) foi projetada, contam os Executivos Stelleo Tolda e Helisson Lemos, Vice-presidente Executivo e Presidente no Brasil, respectivamente.

Estímulo ao bem-estar, integração e criatividade

O terreno de 33.000 m2 na divisa entre as cidades de São Paulo e Osasco surgiu como uma espécie de diamante bruto que merecia ser lapidado. Primeiro, pela ótima localização, que permitiria reduzir de 33km para 17km o deslocamento médio para seus 1.200 colaboradores. Segundo, pela oportunidade de revitalizar um prédio onde no passado funcionou uma metalúrgica, e ainda construir outros generosos e eficientes espaços para dar vida a um complexo inspirado nos campi do Vale do Silício, Califórnia (EUA), capaz de absorver as necessidades de crescimento da empresa. No total, são 17.000 m2 de área construída e capacidade máxima para 2.000 pessoas.

À frente do projeto e da implantação, o escritório Athié Wohnrath (projeto em parceria com as arquitetas argentinas Paula De Elia e Milagros Irastorza) mobilizou cerca de 1.500 profissionais e 260 fornecedores em 12 meses de obra.

Para estimular o contato direto entre todos os colaboradores e prover diversas facilidades/serviços com conforto, praticidade e organização, o complexo é composto por três grandes blocos. Veja:

Bloco A

Área de trabalho principal, construída com o aproveitamento do térreo e a criação de um mezanino. Possui um extenso corredor onde há cafeteria, biblioteca e uma arquibancada com capacidade para 100 pessoas, que permite reuniões de maior porte ou formatos diferenciados de eventos para os colaboradores. Neste bloco também há 140 salas de reuniões, 11 salas de treinamento, além de áreas informais para relacionamento e trabalho, com mobiliário de estilos variados. As equipes estão dispostas em 12 áreas, que ganharam nomes de cidades brasileiras, a exemplo de São Paulo, Itu, Florianópolis, Oiapoque e Chuí - fruto de um concurso interno entre os próprios colaboradores.

"Os postos de trabalho são, em sua maioria, compartilhados. Aliás, flexibilidade e mobilidade são pontos fortes do projeto, uma vez que as pessoas podem trabalhar até mesmo nas áreas externas, que contam com wi-fi e mobiliário adequado", conta o arquiteto Sérgio Athié.

Complementando a instalação: um auditório com 200 lugares e uma sala de treinamentos para colaboradores e clientes, com 100 lugares. Uma espécie de minicentro de convenções para clientes, fornecedores e parceiros - cujo acesso é feito pelo MeliPass. "Consideramos importante ter uma solução de controle de acesso simples, que funcionasse tanto para colaboradores como para visitantes. O MeliPass é um sistema integrado de hardware e software pelo qual o colaborador envia o convite on-line e o visitante convidado (fornecedor, cliente ou parceiro) o recebe no celular, no formato de um cartão de embarque, similar aos emitidos por companhias aéreas. Dessa forma, ao chegar na Melicidade, o visitante, utilizando esse cartão, entra sem a necessidade das tradicionais validações de identidade com a equipe de segurança e recepção", explica João Miranda, Diretor Financeiro do Mercado Livre e sponsor do projeto.

Bloco B

Dotado de restaurante com capacidade para 450 pessoas e quatro menus diferentes. Para que os colaboradores aproveitem a área verde localizada na frente do restaurante, foi montado um deck de madeira, com cadeiras de sol. No jardim, espreguiçadeiras permitem o descanso dos colaboradores, além de redário.

Bloco C

Também chamado de Meli Mall, conta com academia, salão de jogos, serviços de manicure, massagem e sala de médico. A Melicidade também possui uma quadra poliesportiva.

Arte

Painéis coloridos, criados pelo artista argentino Timoteo Lacroze e sua equipe, conferem ainda mais alegria e leveza à Melicidade. As obras estão em todos os lugares do complexo: da recepção ao estacionamento.

Estratégia sustentável

Outro ponto de destaque da nova sede diz respeito às diversas soluções que otimizam a utilização de recursos naturais. A iluminação 100% automatizada - 2.800 lâmpadas LED - reduz em até 75% o consumo de energia, e grandes aberturas e janelas privilegiam a entrada de luz natural no ambiente do escritório.

Há quatro tanques de água de reuso para reaproveitamento da água da chuva para irrigação dos jardins e abastecimento das bacias sanitárias. A reciclagem também está presente. O carpete colocado nos postos de trabalho foi confeccionado a partir de produtos reciclados, e o descarte de resíduos (papel, metal, plástico, pilha e óleo) é estimulado entre os colaboradores. Há também uma composteira para a transformação das sobras de alimentos em adubo orgânico, que é doado ao projeto social Hortas de Osasco.

A preocupação com a sustentabilidade também passa por ações como o incentivo à carona e a implantação de um rodízio de carros - que estabelece um dia na semana para que o colaborador deixar seu carro em casa. Para o translado entre a sede e a estação de trem mais próxima, o Mercado Livre disponibiliza uma van exclusiva.

E, por último, mas não menos importante: a obra conta com 2.000 painéis fotovoltaicos no telhado, que geram metade da energia distribuída no complexo. "Tivemos um prazo bastante curto, tanto de mobilização quanto de execução. Também foi necessário enfrentar um período de chuvas totalmente atípico para o estado de São Paulo nesta época do ano. Para o nosso tipo de trabalho, em que temos que aliar produtividade à segurança, a alocação de painéis foi outro grande desafio, em função do peso exercido sobre a estrutura do telhado e aquilo que era suportado. Toda a solução de fixação foi pensada e desenvolvida para se evitar a sobrecarga no telhado e proporcionar a segurança que esse tipo de sistema exige", conta Rafael Coelho, Responsável por Geração Distribuída da Prátil, do Grupo Enel.

A planta do MeLi será capaz de gerar 685 MWh de energia por ano, que equivale à retirada de 93 carros de circulação nas ruas, à não emissão de 93T de CO2, ao consumo anual de 342 residências, ao plantio de 560 árvores e à redução do consumo de um volume de 822.696.000 litros de água.

Como é administrar tudo isso? A estratégia é contar com a parceria de empresas especialistas em seu negócio: limpeza e jardinagem, segurança, transporte, alimentação, entre outras. E, para a escolha delas, diversos fatores foram analisados, explica Miranda. "A inovação e capacitação dos profissionais são diferenciais percebidos nos prestadores de serviço escolhidos. Um exemplo disso é a iniciativa da GTP de instalar tablets nos banheiros de toda a sede para fornecer orientações e obter o feedback dos colaboradores sobre o serviço de limpeza prestado".

Segundo o executivo, apesar de grande, o espaço da Melicidade foi pensado para ser administrado de maneira simples, sem grandes complexidades. "O maior desafio que enfrentamos no momento é a definição de quais serviços deverão ser prestados de maneira part time por empresas terceiras e quais deverão ser realizados por colaboradores nossos, full time. Estamos estudando a melhor forma de equacionar custo x benefício na realização dos serviços no complexo", finaliza João Miranda. Ao Mercado Livre e toda sua equipe, a INFRA deseja muito sucesso na nova casa.

Confira outras imagens da Melicidade na versão digital da Revista INFRA: https://goo.gl/sBbMGI

PUBLICIDADE

LÍDERES DE AUDIÊNCIA

Conteúdos que historicamente tiveram um grande número de visualizações. Confira abaixo alguns deles.

EDITORIAS DE MERCADO

Os conteúdos líderes de audiência que foram publicados em nossas revistas impressas ao longo da história da revista

CONGRESSO INFRA

Acesse o site de eventos e saiba mais sobre os próximos encontros da Revista Infra em todo o Brasil.

INFRA IMAGENS

Acesse o Infra Imagens - Nosso canal de imagens no Flickr com fotos dos nossos mais recentes eventos em todo o Brasil.
COPYRIGHT © 2003-2017 TALEN EDITORA
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Avenida jabaquara, 99 3. andar - Cj. 35 - Mirandópolis
Cep 04045-000 São Paulo/SP - Tel. 11 5582.3044