Colégio Marista Frei Rogério investe em modernização da infraestrutura

Obras incluem construção de uma área de convivência, com nova cantina, restaurante e refeitório, além de reforma da biblioteca

Notícia publicada em 7 de fevereiro de 2019

O Colégio Marista Frei Rogério, de Joaçaba (SC) iniciou o ano letivo de 2019 com novidades para estimular o aprendizado dos alunos. Obras de modernização e renovação deram origem a um novo espaço de convivência, que abriga a nova cantina, restaurante e refeitório para estudantes, colaboradores e professores. A escola segue o movimento da Rede Marista de Colégios (RMC), que investiu em reformas, ampliações e outras melhorias durante os meses de dezembro e janeiro nos colégios presentes nos Estados de Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Distrito Federal, onde estudam 25 mil alunos.

De acordo com o irmão Evilázio Tambosi, diretor geral do Colégio, a revitalização tem como objetivo melhorar a infraestrutura e o bem-estar dos alunos. "O momento de férias é essencial para realizar obras necessárias no colégio. Dessa forma conseguimos modernizar os espaços para que todos os ambientes estimulem a criatividade e o aprendizado dos nossos alunos", explica.

Para o diretor regional da RMC, Renato Angelino Darui, a estrutura escolar aliada ao conteúdo oferecido pela escola compõe o ambiente ideal para o aprendizado e estimula o convívio social. Segundo ele, os colégios Maristas têm um cuidado especial com a estrutura e o mobiliário. "Entendemos que conforto e ergonomia são diretrizes importantes na hora da composição do ambiente e que são essenciais para o aprendizado. Na Rede Marista de Colégios procuramos oferecer espaços que estimulem a criatividade e a socialização dos alunos", comenta.

Dados do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) comprovam que a qualidade da infraestrutura escolar influencia tanto no desempenho quanto no aprendizado dos alunos. A pesquisa Infraestrutura Escolar e Aprendizagens da Educação Básica Latino-Americana apurou que as notas em provas podem aumentar em média 5% em condições ideais. Entre os espaços de apoio que contribuem para aprendizado estão áreas como bibliotecas, laboratórios, quadras esportivas e auditórios. 

Foto: Divulgação